Artigo vazado 3cfe278ff33dee042b24656458c3ab911d49bfe80e37cca1757d5a15f05f7b4a
09/05/2020
Motivos para consumir cafeína
Data?1569950176
by: Caffeine Academy
Motivos para consumir cafeína
Motivos para consumir cafeína
O que você vai ler aqui:
  • Composição e metabolização da cafeína
  • Impacto no metabolismo
  • Benefícios do consumo de cafeína

Você sabia que café e chás com cafeína são os estimulantes mais consumidos e aceitos socialmente no mundo? Cerca de 90% dos adultos consomem cafeína diariamente!

Os países desenvolvidos são responsáveis por mais de 70% do consumo mundial de café, contrastando com a Ásia e Cone Sul (Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai), onde o chá é preferido em relação ao café.

Diante desse amplo consumo e dos aparentes benefícios da cafeína, vale a pena saber um pouco mais sobre essa substância que faz parte da composição do SuperCoffee.

Composição e metabolização

O chá e o café nas suas formas naturais contêm vários componentes químicos que podem conferir efeitos benéficos à saúde, incluindo cafeína e substâncias antioxidantes, como polifenóis, catequinas e flavonóides. A cafeína também pode ser encontrada em algumas medicações, está disponível como medicamento de venda livre e é frequentemente adicionada a certos tipos de suplementos alimentares, refrigerantes e bebidas energéticas.

No nosso organismo, a metabolização da cafeína ocorre no fígado e após essa passagem, ela é rapidamente distribuída por todos os tecidos do corpo devido à alta capacidade de atravessar as membranas, inclusive a hematoencefálica (membrana que protege o sistema nervoso central e é essencial para a função metabólica do cérebro). 

Após a ingestão, a concentração máxima no sangue ocorre de 30 minutos a 2 horas, podendo ser prolongado com a ingestão de alimentos. A cafeína é absorvida pelo trato intestinal de forma rápida e completa, então seus efeitos são visíveis pouco tempo após o consumo.

Ela é um potente antagonista dos receptores de adenosina do sistema nervoso central e periférico, estimulando a liberação de neurotransmissores excitatórios, assim, seus efeitos comportamentais são atribuídos aos seus efeitos sobre esses receptores.


Consumo adequado

Segundo estudos, o consumo de até 400 mg de cafeína por dia parece ser seguro para a maioria dos adultos. Doses entre 30-300 mg de cafeína em indivíduos descansados é capaz de melhorar a vigilância e o tempo de reação. Em indivíduos privados de sono os efeitos positivos da cafeína são ainda mais exuberantes, incluindo melhora no aprendizado e na tomada de decisões, e em atividades como operação de automóveis e de aviões.

É importante atentar para o fato de que os benefícios comprovados do café estão associados a sua ingestão em sua forma natural, sem adição de cremes, lácteos e açúcar. Pelo contrário, o consumo de cafés com tais ingredientes está associado a uma dieta de maior carga glicêmica e acaba comprometendo os efeitos benéficos antioxidantes das bebidas cafeinadas.

O SuperCoffee, por outro lado, oferece os benefícios da cafeína de maneira otimizada e segura, pois associa o café, o chá verde e 35 mg de cafeína micronizada por dose (10g) a outros componentes funcionais como canela, gengibre e pimenta preta, por exemplo. E o mais legal de tudo é que o SuperCoffee consegue ser surpreendentemente gostoso sem conter absolutamente nada de açúcar! Ou seja: você usufrui dos efeitos metabólicos positivos da cafeína e de outros componentes naturais, sem açúcar e tudo isso associado a um sabor incrível!

E quais são esses efeitos tão positivos da cafeína? Vamos lá!

Impacto no metabolismo

Quanto aos seus efeitos no metabolismo da glicose, o consumo de café ou chá está associado à melhora da sensibilidade à insulina e melhor controle da glicemia pós-prandial em pacientes diabéticos e o consumo de cafeína está associado a um risco substancialmente menor de diabetes tipo 2.

O mecanismo de melhora da resistência à insulina, nesse caso, é basicamente devido ao aumento na concentração de adiponectina (hormônio do bem, responsável pela queima de gordura e de glicose e por efeitos anti-inflamatórios), além do aumento da sinalização do IGF-1 (proteína importante no crescimento e desenvolvimento da musculatura e na queima de gordura corporal).


Mais 5 motivos para consumir:

1. Aumento da ingestão de cafeína está associado ao risco reduzido de câncer de pele

Utilizando dados do Nurses 'Health Study e do Health Professionals Follow-up Study, pesquisadores examinaram prospectivamente os riscos dos tipos de câncer de pele: carcinoma basocelular (CBC), carcinoma espinocelular (CCE) e melanoma, em relação à ingestão de cafeína e encontraram uma associação inversa entre o consumo de café e o risco de CBC. A maior ingestão de café também foi associada a uma modesta diminuição no risco de melanoma em um outro grande estudo de coorte dos EUA, em que associação foi estatisticamente significativa para cafeína (≥4 xícaras / dia), mas não para café descafeinado.

2. Cafeína pode ajudar a controlar a dor

Varias medicações alopáticas no mercado contém cafeína na sua composição, e ela tem sido utilizada há muito tempo por suas propriedades analgésicas no tratamento da cefaleia (dor de cabeça) e é frequentemente usada sozinha ou em combinação com outros medicamentos. Estudos constataram que os medicamentos combinados que incluem cafeína (aspirina, acetaminofeno e cafeína) são mais eficazes para cefaleias de tensão e enxaqueca do que o paracetamol ou o ibuprofeno em baixas doses isoladamente.

3. Cafeína pode melhorar sua performance cognitiva

O consumo de bebidas cafeinadas está associado a benefícios de curto e longo prazo. Dentre os benefícios de curto prazo do uso da cafeina estão: maior alerta mental e melhoria do desempenho cognitivo, otimização da vigilância e do tempo de reação, além de um melhor desempenho atlético. A cafeína também é capaz de, em doses moderadas, atenuar significativamente os efeitos deletérios da privação de sono.

Foi observado que consumidores habituais de café e chá têm melhor desempenho em vários testes de desempenho cognitivo, como tempo de reação e raciocínio visuoespacial.

Uma das razões pelas quais tantas pessoas consomem regularmente a cafeína é que ela é capaz de aumentar o estado de alerta, energia mental e capacidade de concentração, principalmente quando os indivíduos estão fatigados e trabalhando à noite.

A cafeína melhorou significativamente a formação de conceitos, raciocínio, memória, orientação, atenção e percepção em indivíduos com jet lag ou distúrbio de trabalho, segundo uma revisão sistemática de 13 estudos. A cafeina se mostrou, ainda, igualmente eficaz em comparação com outras intervenções ativas, como o uso de modafinil (a famosa pílula da inteligência).

4. Cafeína melhora o desempenho físico

Os efeitos de aumento de desempenho da cafeína foram demonstrados em uma ampla gama de atividades atléticas. Estes incluem eventos de resistência, eventos stop-and-go e atividades de alta intensidade e curta duração.

5. O café contribui para a redução do risco de diversos tipos de cânceres, doenças crônicas e reduz mortalidade

Doença de Parkinson - A relação entre café ou chá e o risco de doença de Parkinson foi descrita em vários estudos. Um deles encontrou evidências de uma relação dose-resposta entre a ingestão de café ou chá e diminuição do risco de doença de Parkinson, no entanto o mecanismo pelo qual a cafeína age no processo de “proteção” contra a doença de Parkinson não é conhecido. 

Doença de Alzheimer - Existem poucos estudos examinando a relação entre o café e a doença de Alzheimer. Numa análise conjunta de dois estudos de coorte e dois estudos de caso-controle, consumo de café foi associado com um pequeno efeito protetor contra a doença de Alzheimer. Esses achados são corroborados por dados de camundongos transgênicos com Alzheimer nos quais a suplementação com cafeína foi associada com risco menor ou tardio de doença de Alzheimer.

Constipação - A cafeína é um potente estimulador dos músculos lisos e, portanto, pode ter um impacto na função intestinal.  Em um estudo observacional, o consumo de café foi associado à diminuição na constipação intestinal.

Alguns outros estudos associam o consumo de café a redução do risco de cirrose hepática, câncer de mama, câncer do trato gastrointestinal e de próstata e  a redução de mortalidade por todas as causas!

A saúde talvez seja o combustível mais nobre da alta performance, e o SuperCoffee te proporciona este e outros benefícios incríveis, além de ser a sua fonte ideal e segura de energia, bem- estar e disposição para despertar a melhor versão de si mesmo!


Data?1569950176
AUTOR:
Caffeine Academy
Catalisar todo o potencial humano é o nosso propósito.
REFERÊNCIAS
TAGS